Notícias

Dilma nomeia advogada de sua campanha para vaga no TSE

A presidente Dilma Rousseff nomeou na última terça-feira a advogada Luciana Lóssio para o lugar de Joelson Dias no Tribunal Superior Eleitoral. Lóssio foi advogada da campanha de Dilma à presidência. Notícia da Folha.com:

A advogada Luciana Lóssio,36, foi nomeada na terça-feira (11) para o cargo de ministra substituta do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Ela trabalhou na campanha da então candidata à Presidência da República pelo PT, Dilma Rousseff.

Ela ocupa a vaga deixada por Joelson Dias –que foi quem acolheu a maior parte dos direitos de resposta reivindicados por José Serra na disputa de 2010, em particular quando o PT explorou na TV as acusações de caixa-dois que envolviam Paulo Preto.

Além de Luciana Lóssio e Dias, estava na lista enviada à Presidência da República pelo STF o nome de Evandro Pertence. Dias foi nomeado em março de 2009 pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O juiz substituto participa de julgamento quando o titular não pode comparecer. Nas eleições, fica responsável pela análise de representações que tratam de propaganda eleitoral. O TSE é composto por três ministros do STF, dois do STJ e dois indicados da advocacia.

Segundo o TSE, Luciana será a primeira mulher a ocupar uma das vagas destinadas à advocacia. Com experiência na Justiça Eleitoral, ela advogou nas eleições gerais de 2010 para a candidata Dilma.

A advogada também atuou na defesa dos então governadores José Roberto Arruda (DEM-DF), Rogério Rosso (PMDB-DF) e Roseana Sarney (PMDB-MA). É especialista em Direito Eleitoral e é membro do Ibrade (Instituto Brasileiro de Direito Eleitoral).

Comentário

Mais uma vez, o PT ignora o princípio da impessoalidade para emplacar companheiros em cargos-chave do Judiciário. Apesar das decisões favoráveis a Serra na última eleição – e ele também decidiu a favor do PT em alguns casos, como este em que absolve Lula e Dilma da acusação de terem feito propaganda eleitoral antecipada (e todos sabemos que eles nunca fizeram isso) -, Joelson Dias não pode ser “acusado” de tucanismo: quando Joelson foi nomeado para o TSE, em abril de 2009, o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) lembrou em seu blog que ele havia sido sócio de Erenice Guerra em uma firma de advocacia, e atribui a Erenice sua nomeação.

To Top