Implicante

/ Blog

23 de maio de 2011

Palocci cancela contratos e ELE PRÓPRIO é indenizado por isso

white 15 Palocci cancela contratos e ELE PRÓPRIO é indenizado por issoKindle

palocci Palocci cancela contratos e ELE PRÓPRIO é indenizado por isso

Leiam trechos de reportagem da revista Exame. Já voltamos…

Empresa de Palocci fatura R$ 10 milhões em apenas dois meses – Consultoria do ministro da Casa Civil recebeu o montante no período entre o fim da campanha e a posse de Dilma – A consultoria do ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, obteve faturamento de 10 milhões de reais entre novembro e dezembro, período que separara a eleição da presidente Dilma Rousseff e sua posse, informa a reportagem da Folha de S. Paulo neste sábado (…) A assessoria da empresa atribuiu a intensa movimentação do fim do ano ao cancelamento de vários contratos após a decisão de Palocci de mudar a Projeto de ramo e encerrar suas atividades como consultor, antes de assumir o comando da Casa Civil. (grifos nossos)

Comentário
Entenderam a façanha? Palocci CANCELA os contratos e, como recompensa, recebe TODOS OS PAGAMENTOS DE UMA VEZ. No mundo dos meros mortais, além de não receber coisa alguma, consultores teriam que pagar multa por cancelamento do contrato.

Palocci, ao contrário, RECEBE INDENIZAÇÕES referentes aos contratos que ele próprio cancelou.

Isso virou piada faz tempo.

compartilhe

Tópicos

8 Comentários

  1. Alessandro Gusmão25 de maio de 2011 às 06:51

    Ninguém ganha milhões em consultoria em dois anos, a não ser que tenha uma super estrutura. Que seja uma Deloitte. Uma KPMG. As principais empresas de consultoria cobram cerca de R$ 200 a hora. Grandes projetos, enormes projetos, imensos projetos, faraônicos projetos, demandam 10.000 horas, chegando a R$ 2 milhões. Palocci, sozinho, teria trabalhado algo como 30.000 horas em dois anos. Um absurdo. Uma senhora invenção. Palocci está chamando todo mundo de imbecil.

  2. Jose P LIMA24 de maio de 2011 às 18:28

    O PT perdeu a noção de valores ( $$$) , milhão pra eles deve ser uma espiga de milho grande, nao precisa explicar origem , nem se perdubar com 20 milhões pra que?
    Eles pode tudo, estao acimo do bem do mal, a da JUSTIÇA, tambem, claro. O ex-Ministro do STF Sepúlveda Pertence, falou que nao tem contra, quem somos nos para contestar. O Procurador Geral da Republica, tambem ratificou. Tudo certo,
    Apenas para desencargo de consciencia, eu queria saber: FOI SO 20 MILHÕES MESMO?

  3. Jose P LIMA24 de maio de 2011 às 18:17

    Nao basttase tudo isso, a empresa de consultoria, passou a admimnistradora de imoveis. Um detalhe, adminstrar apenas o apatamento e o escritorio do Ministro.
    Desde o inicio do Governo do PT que eles perderam a noção de valores $$$ Um milhão, dois, cinco, dez, vinte,nao precisa explicar a origem. Pouca coisa… nao tem importancia!!!
    Acorda BRASIL!!!, ACORDA!!!

  4. Simone Miranda24 de maio de 2011 às 12:39

    Cadê a imprensa??????????????????????

  5. Francisco A. Camargo24 de maio de 2011 às 09:41

    Só prá completar o comentário abaixo, coloquem na cadeia também alguns donos de empresas que contratam esses lobbystas. Como ? É só seguir o dinheiro que elas ganham com transações DESONESTAS com o governo, e assim responsabilizar CRIMINALMENTE os seus dirigentes. Só isso…

  6. Francisco A. Camargo24 de maio de 2011 às 09:39

    Comentando o comentário do Alexandre, não precisa existir nenhuma lei impedindo ministro de possuir empresa de consultoria. Aliás, não há problema nenhum em ministro ou ex-ministro ter empresa de consultoria. O que nao pode é fazer mau uso do dinheiro público. O que se precisa é fazer valer as leis que impedem o mau uso do dinheiro público, o que certamente inviabilizaria as consultorias desonestas, criadas apenas para servir de fachada para essas transações escancaradas de lobby (para posterior “benefício” das empresas que contratam esses “lobystas”).

    Se não houvesse a possibilidade de se ROUBAR o dinheiro do povo, nenhuma empresa iria contratar lobbystas (pagando 10, 20 ou mais milhões) como fazem hoje, pois certamente iriam PERDER dinheiro com isso. Enfim, o problema no Brasil continua sempre o mesmo: IMPUNIDADE.

    Coloquem alguns “lobbystas” e/ou outros poucos maus ministros / deputados / senadores / governadores / prefeitos / vereadores / secretários / etc. NA CADEIA, e esses problemas se acabam.

    (Gravz: Sim, há lei contra isso. Ministros NÃO PODEM ser consultores. Palocci, quando exercia essa atividade, era PARLAMENTAR e não ministro. Aí, sim, a lei permite. Mas é preciso, por óbvio, saber TUDO para ver direito o que houve. Alguma empresa fechou contrato com o Governo Federal depois da consultoria de Palocci? Essa é a questão crucial. E como diabos ELE cancela um contrato e A EMPRESA o indeniza por isso?)

  7. alexandre23 de maio de 2011 às 19:41

    o que me deixa decepcionado é que mais um escândalo e nada será feito para evitar determinado tipos de prática na administração pública. o palocci vai cair ? pode até ser . mas e daí ? cadê uma lei que proíbe um ministro de ter consultoria ? é flagrante o conflito de interesses ! o pior desses escândalos é que nada é feito para evitar novos escândalos !!

  8. Thiago23 de maio de 2011 às 14:25

    Sério, ele está passando um “atestado de burro” ao povo, e o povão está sorrindo porque ganhou um “diploma”!
    E a oposição que tenta fazer algo e não consegue… deveriam pensar em utilizar as táticas que o PT usava quando era “oposição” e fazer barulho suficiente para que a cegueira e a surdez do povo fossem sanadas!
    Se continuar assim, o PT irá cumprir sua meta de 20 anos de poder e prolongarão essa situação por muitos outros…

Publicidade
Publicidade