Blog

A manobra fracassou: Senado MANTÉM impeachment

Não deu certo para o governo. De novo.

Dilma Rousseff - impeachment - Waldir Maranhão

A votação do relatório do impeachment de Dilma Rousseff foi “anulada” por Waldir Maranhão (PP/MA), que comanda interinamente a Câmara dos Deputados por conta do afastamento de Eduardo Cunha (PMDB/RJ). O ato chegou a ser comemorado por governistas, que a esta altura não têm mesmo mais qualquer pudor ou vergonha na cara quanto às alianças firmadas.

Mas a alegria durou pouco.

No Senado, onde agora tramita o processo, tudo continua normalmente. Isso porque – obviamente – o ato de Maranhão não interfere na outra casa legislativa e, mais ainda, houve a chamada preclusão. Para piorar, parece que agora o governo perdeu até mesmo o apoio de Renan Calheiros.

Em suma: tudo continua no Senado e restará inócua a tentativa de baderna institucional do presidente interino da Câmara. Assim como o PT, restará a ele um papel vergonhoso na história brasileira.

Mais Lidas

To Top