Blog

Depoimento de Marcelo Odebrecht demole de vez a tese de que Dilma Rousseff não sabia de nada

Também leva por terra de uma vez a historinha – já desmentida – de que ela nunca foi citada.

Foto: Felipe Dana / Associated Press

A tal “narrativa do golpe” inclui um elemento a um só tempo risível e irritante: tratar Dilma Rousseff não apenas como vítima, mas uma verdadeira figura santificada. Não basta dizer que a manobra seria antidemocrática (não foi, óbvio), é preciso também construir uma saga sacrossanta em torno da petista.

Uma das lorotas, já desmentida por aqui e suficientemente confrontada por diversos fatos, é aquilo de que ela não ser citada na Lava Jato. Ora, claro que foi!

Daí, diante do enfraquecimento dessa linha, partiram para algo menos ousado, mas ainda assim complexo: ela não saberia de nada. É mesmo? Será?

Pois em seu depoimento ao TSE, Marcelo Odebrecht diz que ela sabia, sim. E ele ainda foi além, dizendo que ela deu orientações.

Agora, resta aguardar as delações da Operação Lava Jato.

Mais Lidas

To Top