Blog

DESPERDÍCIOS DO PT – Parte II: COMPERJ

O que poderia ser feito com o dinheiro gasto além do orçamento neste projeto que, de R$ 19 BILHÕES, já ultrapassa os R$ 31 BILHÕES.

Dando continuidade à série de artigos que visa elencar os 10 maiores desperdícios de dinheiro nas obras faraônicas destes 12 anos de governo petista, o Implicante apresenta hoje o caso da COMPERJ.

comperj-dilma-lula-cabral

infografico2

Do que se trata

O Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, localizado no município de Itaboraí (RJ), inicialmente seria um complexo industrial capaz de produzir derivados de petróleo e produtos petroquímicos de primeira e segunda geração, reduzindo a dependência do setor externo por insumos básicos e ajudando a desenvolver a região fluminense com a geração de empregos diretos, indiretos e por efeito renda.

Orçamento original

Apresentado em junho de 2006 pelo então presidente Lula, o projeto a princípio custaria R$ 19 bilhões.

Orçamento atual

Oito anos mais tarde, este valor já chegou a R$ 31 bilhões, e a previsão de entrega foi adiada de 2011 para 2016.

Estouro do orçamento

Houve um aumento de R$ 12 bilhões no orçamento, ou quase 2/3 da previsão inicial. Com esse valor, seria possível construir:

Defesa do Governo

A Petrobras não quis prestar esclarecimentos a respeito da mudança de orçamento, mas, em nota, negou sobrepreço no contrato com a empresa MPE – Montagens e Projetos Especiais, que venceu a disputa para executar o serviço com uma proposta R$ 162 milhões mais cara que a de uma das três concorrentes. Já os atrasos, segundo a estatal, ocorreram em função de problemas de licenciamento ambiental e desapropriações.

Mais Lidas

To Top