Blog

Dilma com medo do povo

Ao contrário da larga tradição, a Presidente da República não fará pronunciamento em cadeia de rádios e TV no dia 7 de setembro – e o desfile de Brasília ocorrerá sob forte proteção e isolamento.

Dilma - Reuters

A democracia tem um preço amargo para os governantes, mas doce para os eleitores: a possibilidade de xingar. Falar mal dos políticos é um direito inalienável de todos nós, desde que estejamos sob o Estado Democrático de Direito. Por mais que se tente abafar aqui e ali, seja ignorando ou até fazendo troça de quem se manifesta, chega uma hora em que simplesmente não dá mais para fingir desconhecer o descontentamento de todos.

Dilma Rousseff chegou ao extremo: pela primeira vez em décadas, não haverá pronunciamento de 7 de setembro, em cadeia de rádio e TV, por Presidente da República. Certamente, medo dos panelaços – que, ao contrário do que diz o colunismo oficial, não é fenômeno isolado aos ricos.

Além disso, também foi armada uma verdadeira MURALHA para proteger a Presidente de eventuais manifestantes em Brasília. É um desfile aberto, mas fechado.

Um governo com medo do povo é sempre um bom sinal.

To Top