Blog

CPI da Petrobras: Dilma foi pega na mentira

Ela negou que o governo tenha participado da armação, mas logo depois o secretário executivo Luiz Azevedo CONFIRMOU ter participado das tais reuniões.

xi

xi

O tema da semana é a fraude na CPI da Petrobras, com direito a vídeo e tudo (vejam aqui). E agora, mais essa: Dilma é pega na mentira. E na cara dura. Confiram a seguinte reportagem do Estadão (trechos a seguir):

“A presidente Dilma Rousseff negou nesta quarta-feira, 6, envolvimento do Palácio do Planalto na suposta combinação de perguntas e respostas feitas na CPI da Petrobrás à cúpula da estatal. Dilma disse achar “estarrecedor” ser necessário que pessoas não ligadas à petroleira elaborem questões para a Petrobrás (…)

No início da noite, o secretário executivo da Secretaria de Relações Institucionais, Luiz Azevedo, divulgou nota em que afirma ter participado de discussões com parlamentares para elaborar qual seria a estratégia dos trabalhos dos senadores aliados na CPI.” (grifos nossos)

Não basta o flagrante na armação toda, ainda por cima mais essa mentira. É inacreditável a cara-de-pau dessa gente quando é pega em flagrante. O que ela dirá agora? Até os colunistas amigos ficam pendurados na brocha desse jeito.

Dilma, aliás, consegue uma façanha impressionante: é totalmente desconexa e sem sentido em praticamente todas as suas falas, mas possui extrema desenvoltura retórica na hora de contar lorotas.

A rapaziada vai ter que cortar um dobrado para arrumar esses dois discursos. Pelo histórico, chega a dar certa pena do pobre coitado que pagará caro por ter falado a verdade e exposto a “chefa” dessa forma.

 

To Top