Blog

Dilma, que mantém o Brasil parado por anos, agora não quer recesso parlamentar

Claro que o motivo não é outro além de querer escapar do impeachment.

A estratégia do governo para tentar fugir do impeachment conta com uma manobra importante: evitar que os parlamentares entrem em recesso. O temor do Planalto é que o tema prossiga na mídia durante esses meses, aumente o desgaste de Dilma, aumente as pressões e torne depois a situação irreversível. Sim, claro, não há qualquer preocupação cívica, moral ou econômica em evitar o recesso.

Dilma disse o seguinte: “Acredito que uma situação de crise como essa, política e econômica pela qual o país passa, acho que seria importante que o Congresso seja convocado”, afirmou. “Não podemos nos dar o direito de parar o país até dia 2 de fevereiro (prazo do recesso)

Sim, são palavras de quem fez o país ficar parado por anos e anos. Parado e estagnado. Na verdade, pior que isso: fez o Brasil ENCOLHER.

enhanced-buzz-24263-1394819597-29

Enfim, a decisão não é do governo Dilma, mas dos próprios deputados e senadores. É evidente que, por lógica e na condições normais de temperatura e pressão, todos somos sempre favoráveis a que o Congresso Nacional nunca pare. Porém, se tal folga ajudar a derrubar o governo, então também somos todos favoráveis à pausa.

Descansem, congressistas!

To Top