Blog

EDITORIAL: CONTINUAREMOS IMPLICANDO

Especialmente com a esquerda e o petismo.

implicantenovo

Desde o início do processo de impeachment, chegam mensagens indagando acerca da posição do Implicante em razão da queda de Dilma Rousseff. Esperamos, por óbvio, a consumação do fato (até para evitar ziqueziras e afins). Assim, diante do afastamento de pelo menos seis meses, e em especial pelo respeito irrestrito que temos pelos queridos leitores, trazemos a todos este editorial.

Desse modo, antes e acima de tudo: continuaremos implicando.

Sim, apoiamos o impeachment e, também sim, torcemos para que o governo de Michel Temer dê certo. Mas não abriremos mão, em tempo algum, daquilo que acreditamos justo e correto, bem como de nossas posições ideológicas em relação a um governo. Isso é ponto basilar.

Porém, também nos manteremos atentos à avassaladora guerra de informações que já acontece. A esquerda e o petismo não apenas aproveitarão cada brecha como cavarão outras tantas para bombardear o governo brasileiro nesta nova fase. Não seremos meros espectadores desse estratagema; vamos, sim, denunciar todas as falsas narrativas.

E, sim, este site continuará sendo anti-esquerda e anti-PT, de modo que nossas principais críticas CONTINUARÃO dirigidas a eles.

Ainda acreditamos que o esquerdismo e o petismo são o mal maior que precisa ser combatido. E esse impeachment – por enquanto, reitere-se, apenas provisório – está bem longe de ser um enterro do ideário socialista ou mesmo da legenda petista.

Vencemos uma importante batalha, mas a guerra é ainda muito maior.

Seguiremos neste combate e, como sempre, contamos com a força de vocês. Avante!

To Top