Blog

Gilberto Kassab disse que, se os Correios não fizerem cortes de gastos, serão privatizados

“É preciso cortar mais. Caso contrário, a empresa vai rumar para a privatização.”

Gilberto Kassab comanda o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações. Isso o permite falar em nome até mesmo dos Correios, estatal extremamente explorada durante a gestão Dilma, e hoje refém de um rombo bilionário. Cortes já foram feitos, agências estão sendo fechadas, mas o ministro explicou que medidas mais radicais precisam ser tomadas. Ou…

Ou a estatal fatalmente será privatizada. Confiram o que foi publicado na IstoÉ:

“Não há saída; é preciso fazer corte de gasto radical. O governo não tem recursos e não haverá injeção de recursos nos Correios. Todo o esforço deve ser feito para evitar a privatização dos Correios ou de partes dele. Eu reconheço os cortes de despesas que já foram feitos, mas é preciso cortar mais. Caso contrário, a empresa vai rumar para a privatização.”

O Implicante, que adora conta pública em dia, torce para que o dinheiro público seja melhor aplicado. Se de fato isso implicar em privatização dos Correios, que seja. Será menos uma estatal para a classe política brasileira destruir.

Fonte: IstoÉ

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

Mais Lidas

To Top