Blog

Gilmar Mendes: “Temos partidos comprando helicóptero e aviões a jato com fundo partidário”

Brasília, 18.11.2009 - O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, durante sessão que retoma o julgamento do pedido de extradição do escritor italiano e ex-ativista político Cesare Battisti Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Trata-se de mais uma farra com o dinheiro público.

Como presidente do TSE, Gilmar Mendes vem tendo uma atuação muitos mais firme que a de Dias Toffoli, o antecessor. E, dos onze membros do STF, parece ser o mais indignado com tanta corrupção. Em entrevista ao Estadão, falou sobre o mau uso do fundo partidário na política nacional. E entregou um detalhe até então pouco conhecido pela população: os partidos usaram a verba pública para a compra de helicópteros e aviões a jato:

“Não é possível mais ter 28, 29 partidos no Congresso, 36 partidos habilitados, com toda essa questão de manipulação do fundo partidário. Temos partidos comprando helicóptero e aviões a jato com fundo partidário e, com certeza, não é para isso o dinheiro.

Trata-se de uma farra com dinheiro público. Não à toa, há tanto partido na fila que o Brasil corre risco de ter mais 50 deles.

Notícias Recentes

To Top