Blog

Haddad, as cotas para negros nas empresas e o primeiro escalão quase todo branco.

Prefeitura de São Paulo lança programa de incentivo para que empresas contratem funcionários negros. Mas por que Fernando Haddad não dá o exemplo? Seu secretariado é quase todo formado por… brancos!

Marcelo D'Sants - Frame/Folhapress

Marcelo D’Sants – Frame/Folhapress

Não é a primeira vez que se percebe isso. Já aconteceu com Dilma Rousseff (veja aqui). Nos discursos, falam que é importante que as empresas dêem espaço aos negros – de fato, uma demanda séria e fundamental. Mas o que fazem eles próprios? Pois é…

Primeiro, leiam trecho de reportagem do jornal O Globo, por Tiago Dantas, voltamos em seguida:

“A prefeitura de São Paulo pretende incentivar empresas da cidade a aumentar a contratação de funcionários negros. Uma das iniciativas planejadas pela Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial para alcançar esse objetivo é fazer parcerias com universidades para ajudar os estudantes afrodescendentes a procurarem empregos qualificados. Também faz parte dos planos da secretaria criar, até o fim do ano, um site que funcione como banco de talentos onde os empresários possam entrar em contato com candidatos”

A iniciativa de fato parece muito boa, o único problema é que falta ao Prefeito seguir o que prega. Vejam, abaixo, os secretários que ele nomeou ao tomar posse:

secretarios_01

Recentemente, entraram esses outros camaradas em seu primeiro escalão:

secretarios

Por que não nomeia mais negros para gerir a cidade? Por que não dá o exemplo? De que adianta criar incentivos de um lado e não fazer na prática o que recomenda aos demais? Hipocrisia pura. Secretários municipais são todos NOMEADOS pelo prefeito e ele pode simplesmente colocar quem quiser. Não há desculpa burocrática, não há como dizer que é o “sistema” ou algo assim.

Vale lembrar, por fim, que isso não é mesmo algo raro. Vez por outra, brancos que trabalham em equipes quase que integralmente formadas por pessoas brancas cobram a presença de pessoas negras… EM OUTROS LUGARES. É muita cara-de-pau. Se realmente consideram isso uma causa a ser defendida de forma tão ferrenha, ora, dêem o exemplo!

O contrário é hipocrisia.

Mais Lidas

To Top