Blog

Haddad diz que adversários fizeram pedaladas fiscais, mas apenas demonstrou não entendê-las

Não as entende ou está mais interessado em espalhar desinformação para confundir o eleitor?

Segundo Fernando Haddad, todos os prefeitos de São Paulo nos últimos 20 anos cometeram pedaladas fiscais, menos ele. E deu nome aos bois: Celso Pitta, Gilberto Kassab, José Serra e Marta Suplicy. Ainda de acordo com o prefeito de São Paulo, isso mostrava a incoerência dos partidos que votaram pelo impeachment de Dilma Rousseff. Desta forma, o petista apenas demonstrou não entender lhufas do que derrubou a “presidenta”. Por quê?

Bom… É preciso entender que Dilma caiu diante da Lei de Responsabilidade Fiscal, assinada por FHC em maio de 2000. Pitta só administrou a cidade até dezembro daquele ano.

O trecho desrespeitado por Dilma é aquele em que não é permitido ao chefe do executivo fazer operações de crédito (tomar empréstimos) dos bancos que, por força de lei, findam administrados indiretamente. No caso da petista, isso incluía o Banco do Brasil e a Caixa Econômica.

Em São Paulo, o banco público era o Banespa, mas foi privatizado em novembro de 2000, seis meses após a a lei ser sancionada. Contudo, ainda que continuasse público, era controlado pelo estado de São Paulo, e Haddad citou gestores do município.

Pois é… Não faz sentido.

Haddad não sabia nada disso? Ou estava sendo desonesto e buscando confundir os eleitores?

Notícias Recentes

To Top