Blog

Malik Obama divulga certidão de nascimento do irmão ex-presidente emitida no Quênia

É um caso antigo, mas que foi rememorado de forma inusitada no dia de hoje.

O caso é antigo, e até hoje os debates sobre o tema são calorosos. A razão disso passa longe de qualquer coisa como “xefonobia” ou afins. Trata-se de um problema objetivo: só pode ser Presidente dos EUA quem nasceu naquele país, ainda que em território extra-continental, como o Hawaii.

Tal polêmica permeou o mandato de Barack Obama, tendo sido relativamente esquecida até o dia de hoje. Pois é.

Isso porque o irmão do ex-presidente, Malik Obama, notório apoiador de Donald Trump, postou o seguinte nas redes sociais:

Verdadeiro? Falso? Não há qualquer endosso oficial a esse documento, mas chama atenção que O PRÓPRIO IRMÃO o tenha divulgado, sobretudo a esta altura.

E está lá com todas as letras, com direito a marca de “pé” e tudo mais: documento emitido por hospital do Quênia, então um protetorado britânico.

Sem dúvida, é preciso MUITA cautela. Mas de todo modo a polêmica voltou forte.

Fonte: Twitter - perfil oficial de Malik Obama

To Top