Blog

Lula: “Não dá para esperar toda 2ª feira e ver se mais alguém foi preso”

A informação é da coluna Painel, da Folha. O ex-presidente fez tal “desabafo” ao expor estratégia a Temer e ministros do PMDB. A ideia é enfraquecer a Lava Jato.

Lula - AP

A seguir, trecho da coluna Painel, da Folha, por Vera Magalhães:

O ‘Proer’ da Lava Jato – Na reunião com o vice-presidente Michel Temer e ministros do PMDB, Lula defendeu que o governo acelere os acordos de leniência com as empresas investigadas na Operação Lava Jato. O esforço para que as empreiteiras não quebrem foi tratado também em conversas entre o ex-presidente e empresários como Emilio Odebrecht. Aos peemedebistas, Lula sustentou que a CGU e a AGU selem os termos de ajuste de conduta das construtoras sem esperar pelo aval do Ministério Público.

B.O. – Para Lula, o governo não pode ser refém da evolução da Lava Jato. “Não dá para esperar toda segunda-feira e ver se mais alguém foi preso”, afirmou, para espanto geral.”

O nível de seriedade da coisa pode ser demonstrado pelo fato de que até os ministros se assustaram com a fala de Lula. A ideia seria de fazer acordos entre governo (AGU e CGU são órgãos do Governo Federal) e as empresas investigadas, mesmo sem anuência do Ministério Público, buscando algum tipo de enfraquecimento na Lava Jato.

Lula foi direto: “não dá para esperar toda segunda-feira e ver se mais alguém foi preso”.

É vergonhoso.

Notícias Recentes

To Top