Blog

Vazamento: Mercadante admite acesso não autorizado a dados do SiSU, mas nega “implicações”

foto18bra-101-mercadante-a3

Informação do Estadão:

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, negou nesta segunda-feira, 7, que tenha ocorrido vazamento e alteração de dados de candidatos do Enem no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O sistema foi aberto nesta madrugada e oferece 129 mil vagas em instituições públicas de ensino superior para quem prestou o exame no ano passado.

“Nos primeiros minutos da abertura, quatro a cinco estudantes entraram na página que dava acesso a alguns dados. Não pode alterar nada, não tem nenhuma implicação ou desdobramento e foi imediatamente corrigido. Tudo andou com toda segurança e estabilidade, já são mais de 470 mil inscritos em apenas 12 horas de abertura do sistema”, disse o ministro, ao final da posse dos reitores da Universidade Federal do Rio Grande (Furg), Cleuza Maria Dias, e da Universidade Federal de Pelotas (Ufpel), Mario Augusto Delpino, em Brasília.

Nos primeiros minutos de inscrições no Sisu, candidatos relataram nas redes sociais uma falha que permitiu o acesso a dados pessoais e às notas do Enem de outros estudantes.

“Foi um pequeno problema na abertura do processo de acesso, sem nenhuma implicação”, acrescentou o ministro, ao ser perguntado se houve falha técnica ou vazamento de informações.

Leia mais aqui.

A questão levantada pelos jornalistas permitiu que o ministro desse uma resposta nada objetiva. Ora, perguntar se houve falha técnica OU vazamento, como se uma coisa não permitisse a outra.

Embora a manchete do Estadão diga o contrário, a resposta de Mercadante sinaliza que o ministro admitiu o vazamento, mesmo que do velho modo petista. A alegação de que o problema foi “imediatamente corrigido” e causado por “falhas” técnicas não anula o fato de que, nas palavras do próprio ministro, alunos “entraram na página que dava acesso a alguns dados” restritos do site. Se isso não é vazamento é o quê?

O portal IG publicou uma imagem que ilustra o “não vazamento” de dados do SiSU. Pela reprodução é possível ver dados sigilosos como telefone e e-mail de uma candidata inscrita no Sistema.

Reprodução da página de informações do Sisu – portal IG

Para saber outras do Mercadante, acesse o nosso arquivo.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

Mais Lidas

To Top