Blog

O patético pronunciamento de Dilma confirma: o impeachment é mesmo urgente

Não há qualquer segurança, firmeza ou noção de realidade.

Dilma Rousseff - Pronunciamento

Dilma Rousseff, bem sabemos, nunca foi propriamente uma grande oradora. Seus discursos que entraram para a história acabaram se tornando memoráveis por conta de bizarrices como a “figura oculta” do cachorro, o “quem perde, quem ganha, todo mundo perde”, a saudação à mandioca (e ao milho), entre outros grandes momentos.

Não seria diferente, portanto, seu pronunciamento de hoje. Falou em “traição”, culpou os outros pelos erros que são de seu próprio governo e, como sempre, saiu-se com aquela arrogância que tanto caracterizou seu mandato (e também um dos motivos pelos quais tomou a goleada de ontem).

Em vez de servir como defesa ou ferramenta de convencimento, seu discurso de hoje valeu para atestar o óbvio: o impeachment é mesmo urgente. Necessário. Fundamental.

O quanto antes.

To Top