Blog

Por que o ato público “pró-Dilma” será numa quinta-feira?

PT usa inserção na TV para convocar ao desfile chapa-branca. É inexplicável – e inaceitável – que uma manifestação EM DEFESA DO GOVERNO aconteça em grande avenida, num dia de semana, atrapalhando a vida dos cidadãos que trabalham.

Movimentos sociais costumam fazer protestos e manifestações em vias públicas nos dias de semana porque assim dizem chamariam atenção das pessoas. Sim, é uma bobagem, já que as pessoas ATRAPALHADAS por um ato tendem a ter RAIVA desse dos organizadores e, por consequência, da causa que defendem.

Mas, vá lá, é essa a justificativa. Ok.

E nesta quinta-feira (exatamente amanhã), um novo ato pretende levar às ruas algumas pessoas (não serão muitas, como se nota). O problema é a natureza insólita da manifestação que pretende fechar avenida em São Paulo. O que reivindicam? A defesa do… GOVERNO! Isso mesmo: um grande ato para DEFENDER A DILMA, com direito ao próprio PT convocando em programa eleitoral gratuito (sim, pago por nós).

Os 7% que ainda acreditam nesse governo tem todo o direito de protestar, mas deveriam no mínimo fazer como os outros 93% que optaram por um DOMINGO, não um dia útil no meio do expediente das pessoas normais.

Não há justificativa admissível para uma manifestação PRÓ GOVERNO ser organizada a fim de atrapalhar a vida de todo mundo (tanto menos com aquela justificativa mocoronga de que é assim que se “chama atenção”). E com o partido do governo fazendo convocação oficial chega ao extremo do bizarro.

Querem chamar a atenção de quê? Querem reivindicar o quê? Já estão no poder há mais de uma década, que diabo mais querem? Não são oprimidos ocupando o espaço público para dar luz a uma causa pouco defendida, mas sim DEFENSORES DO GOVERNO QUE ESTÁ AGORA MESMO NO PODER.

Não é protesto, mas sim desfile chapa-branca.

O provável e possível é que estejam atrás de tumulto e, nesse xadrez, recomenda-se às autoridades policiais que evitem ao máximo tais provocações. Não se deve cair no truque dos desesperados que agem como um jogador já expulso querendo cavar a expulsão de alguém do outro time.

No mais, resta uma observação: já notaram que TODAS as manifestações de esquerda ocorrem em dia útil, nos horários em que todas as demais pessoas estão trabalhando ou indo/voltando do serviço? Isso já diz muito sobre essa turma e as mesmas “entidades” de sempre, que há anos não conseguem esconder o governismo.

Que façam num domingo, ora!

Notícias Recentes

To Top