Blog

PT distribui cargos para aprovar ajuste fiscal

Distribuição de cargos em troca de votos é noticiada como ação normal. Cortes do governo afetam os programas sociais

Joaquim LevyVejam a naturalidade com que a notícia  abaixo é contada na Folha de São Paulo:

O vice-presidente Michel Temer, articulador político do governo Dilma Rousseff, cobrou pressa nas nomeações de cargos do segundo escalão e empenho dos partidos aliados, principalmente do PT, para evitar uma derrota do Palácio do Planalto na votação das medidas do ajuste fiscal.

O vice-presidente defendeu em reuniões do governo acelerar a publicação das nomeações, alegando que alguns parlamentares estão “ansiosos” na semana em que começam a ser votadas no plenário da Câmara as medidas provisórias do ajuste fiscal.

A ordem é tentar acelerar a burocracia para acabar com “dúvidas” em parlamentares da base aliada, que temem votar a favor do governo e não terem seus pleitos atendidos.

Além dos 50 cargos encaminhados à Casa Civil, a área política espera concluir nesta semana negociações para preencher mais 70 a 100 postos de segundo escalão.

Além dos cortes no orçamento, essenciais para os planos do ministro da Fazenda Joaquim Levy, o governo Dilma encontra dificuldades em aprovar a nomeação de Fachin para o STF e também neste caso deve usar a nomeação para cargos no governo como tentativa de mudar votos.

Notícias Recentes

To Top