Blog

Quem é esse Latuff do texto contra nordestinos da revista MAD?

Numa edição da revista MAD de 1989 (sim, faz tempo…), um certo Latuff assina texto extremamente preconceituoso. Claro que não deve ser o autor de cartuns contrários à ‘opressão’ do capitalismo e seus arautos. Então, quem é esse Latuff?

(AVISO AOS LEITORES: ESTE É UM TEXTO IRÔNICO, SATIRIZANDO A SITUAÇÃO TODA – hipótese de alguém da militância já ter feito piada regional. Não levem o post a sério)

Antes de tudo, este post serve de alerta. Afinal, o nome “Latuff” é notoriamente ligado a desenhos e cartuns de altíssimo teor militante, contra a opressão violenta exercida pelo capital and ocidente macho/branco. Então, por óbvio, alguém usou esse mesmo nome por mera coincidência. Só pode ser isso. Vejam imagens da Revista MAD, número 55, edição de julho de 89:

xlatuff_MAD

xlatuff_MAD_4

Segundo a revista, algum Latuff escreveu esse texto (o desenho ficou a cargo de outra pessoa). Trata-se de uma piada com o American Express Card; na época, a Amex tinha uma propaganda televisiva na qual um homem dizia “Paris hoje?”, indicando a possibilidade – e capacidade econômica – de ir à Cidade Luz naquela mesma hora. O texto da MAD (cujo teor alguns cis-héteros-brancos-demotucanos-de-SP podem achar engraçado) satiriza o comercial, mas ao mesmo tempo denota forte preconceito.

Carroças? Jumentos? Paus-de-arara? É EVIDENTE que tais palavras não seriam subscritas – tanto menos elaboradas – pelo mesmo Latuff que tão bem retrata alguns governantes não-esquerdistas como nazistas (em que pese haver eleições, mas quando a esquerda não ganha a democracia precisa ser contestada, ora!). Nunca que nosso cartunista favorito faria algo do tipo, menos ainda com o chiste envolvendo “forrós” e “kitchenetes”.

Quem seria esse? E nem adianta dizer que o referido combatente do nanquim já trabalhou na MAD. Isso é só mais uma coincidência a TURVAR a realidade dos fatos. Não cederemos ao jogo de informações desconexas dos defensores do ocidente e do capital.

E AINDA POR CIMA o signatário do odioso “Paraiban Express Card” seria um tal SEVERINO DESTERRO! A pá-de-cal em cima de nossa paciência revolucionária! Já é um tanto atípico haver um socialista chamado Severino (somos ainda apenas os Rossettos, Boulos, Duvivieres, Latuffes e muitos outros a iluminar o caminho de todos). Não deveria haver até mesmo essa troça onomástica a afugentar o povo do ideal que o salvará!

Assim, portanto, aguardamos a resposta: quem é esse Latuff?

(dica da leitora Renata Red)

Mais Lidas

To Top