Blog

Retrato do socialismo na Venezuela: a tragédia da elefanta magra e faminta no Zoológico

Quem apoiaria um regime assim? Sabemos quem.

Já falamos aqui da situação alarmante dos animais na ditadura venezuelana. Se nem o povo tem o que comer, claro que a miséria se alastraria também ao zoológico e até mesmo aos bichos domésticos.

Também mencionamos o fato de que o povo está apelando para dietas assustadoras, que incluem flamingos, tamanduás, gatos, pombos, cães… enfim, algo inacreditável.

Agora, as atenções se voltam a Ruperta, elefanta que vive no “Caricuau Zoo”, em Caracas. Há campanha para salvá-la, pois ela está faminta e sua imagem chega a assustar.

O jornal Miami Herald tratou do caso, e a campanha foi posta nas redes:

Algo triste demais. Além de todas as catástrofes, o socialismo traz mais isso: uma elefanta magra de fome, lutando pela vida num país em que tantos outros animais estão morrendo também de fome – ou para alimentar o povo desesperado.

Quem defenderia um regime assim? Sabemos quem.

Fonte: Miami Herald

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

Notícias Recentes

To Top