Blog

Triplo X: nova fase da Lava Jato mira triplex no Guarujá, alvos de São Bernardo e offshore

Parece que o cerco está mesmo se fechando.

Há certa ironia em “Triplo X”, nome de filme de ação com Vin Diesel. Isso porque, no centro das investigações desta nova fase da Lava Jato, há um triplex no Guarujá. Sim, vizinho ao de Lula, no mesmo prédio, parede-com-parede (lembrando que testemunhas confirmaram a presença de Lula e sua esposa no edifício, e nessas ocasiões a construtora OAS colocava até arranjo de flores para recebê-los).

O edifício era originalmente um empreendimento da Bancoop, cooperativa dos bancários que já foi presidida por João Vaccari Neto (tesoureiro do PT preso na Lava Jato), mas depois foi concluído pela OAS, também investigada pela Lava Jato, com executivos condenados. Investiga-se também a criação de offshores com finalidades escusas. Apura-se, afinal, a ocorrência dos crimes de corrupção, fraude, evasão de divisas e lavagem de dinheiro.

Triplex---Guarujá

Na foto maior, o edifício Solaris e, no destaque circulado, as coberturas triplex. Uma delas seria de Lula, a outra é investigada na atual fase da Lava Jato.

Parece que o cerco se fecha.

Mais Lidas

To Top