Blog

Triste: greves e burocracia fizeram cair operações de combate ao trabalho escravo no Brasil

Coisa de país atrasado.

Um dado chama atenção e se você, leitor, passar rapidamente os olhos por ele, pode até ficar feliz: o número de pessoas libertadas em condições de trabalho análogo ao da escravidão caiu 34% em UM ano.

Mas isso não quer dizer que o número de exploradores e explorados tenha diminuído.

Em 2016, 660 trabalhadores foram resgatados em operações contra o trabalho escravo. Este é o menor número de resgates desde o ano 2000, quando 516 pessoas foram salvas de trabalhos nas piores situações possíveis.

O que de fato acontece é que, segundo o G1, desde 2015, quando ganhou campo a crise política no país, a burocracia e as sucessivas greves impediram a plena realização desse importante trabalho.

O descaso é tanto que o site com a principal campanha de combate ao trabalho escravo tá fora do ar, veja lá: http://mtps.gov.br/trabalhoescravonao/

Que lástima, Brasil.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

Mais Lidas

To Top