Blog

Vem aí a guerra suja: ‘bunker’ de Dilma no Alvorada e ataques às medidas de Temer

Estratégia foi adiantada pelo jornal O Globo.

Dilma Rousseff - Foto Fernando Bezerra Jr European Pressphoto Agency

Já era de se esperar e é realmente importante contar com isso: os petistas e Dilma Rousseff não largarão o osso tão facilmente. Desse modo, caso o impeachment seja aprovado na Câmara dos Deputados e ela tenha de sair do governo, ainda assim permanecerá no Palácio da Alvorada, residência oficial, por seis meses.

De fato, ela não será obrigada a sair da residência de governante, mas apenas do poder.

O problema não está em ocupar tal imóvel, mas sim na tática que o jornal revela em seguida: tomar as ruas contra as medidas de Michel Temer.

Mas quais medidas? Aquelas que todos sabemos serem necessárias: de austeridade, para tentar tirar o país do buraco em que Dilma e o PT enfiou. Como eles estão cientes de que o descalabro obrigará a tomada de ações no início duras, já antecipam que combaterão tudo isso de maneira oportunista.

Mais do mesmo, enfim. Era previsto. E, agora, é declarado.

Resta saber com quem eles vão às ruas, já que o povo mesmo não os apoia. E, sem o poder nas mãos, talvez acabem alguns dos bons argumentos que convenciam tão fortemente os movimentos “organizados”.

A ver…

Mais Lidas

To Top