Internacionais

Aliada de Trump no Reino Unido, Theresa May deu resposta matadora a opositor esquerdista

“Você pode liderar um protesto. Eu lidero um país!”

Theresa May é uma das mulheres mais poderosas do mundo. Afinal, após o Brexit, tornou-se primeira-ministra do Reino Unido, ocupando uma posição que no passado já pertenceu a ninguém menos do que Margaret Thatcher. Mas você não está vendo nenhum militante pelos direitos das mulheres celebrando os feitos da britânica, está? Não está. Sabe por quê? Porque ela é conservadora. E, como boa conservadora, sabe matar no peito toda a choradeira esquerdista.

No vídeo mais abaixo, um líder da oposição tenta emparedá-la jogando na cara algumas assinaturas recolhidas por um movimento esquerdista. A resposta de May? Ela não lidera um movimento, ela lidera um país. Lá em cima, a coisa é bem mais séria.

O vídeo a seguir pode parecer como apenas mais uma boa resposta que uma conservadora dá à choradeira ditatorial esquerdista. Ele realmente é uma ótima resposta, algo que pode inclusive inspirar muita gente a enfrentar a esquerda mais escandalosa. Ele também mostra outra coisa muito interessante, como responder a altura, quando é o conservador que está no poder. Esta parece ser uma posição delicada, pois estando no poder, a tendência é que o alvo das críticas seja você mesmo, são suas políticas que ficam em evidência. Então, como a conservadora Theresa May consegue responder ao líder do partido trabalhista? Ela mostra como seria se fossem implementadas todas as propostas do adversário, e por que ela é de fato uma líder governamental, enquanto que ele merece apenas fazer birra na oposição.

Tradução: Pedro Henrique
Revisão: Felipe Galves Duarte

TRADUTORES DE DIREITA
Webpage: http://TradutoresdeDireita.org
Facebook: http://facebook.com/tradutoresdedireita
YouTube: https://youtu.be/71MwwJPJ9ys
Twitter: http://twitter.com/tradutores_br
Vídeo original: https://www.youtube.com/watch?v=3uBettl8AWQ
Vídeo legendado no Youtube: https://youtu.be/XSWfaPKQSTg

Publicado por Tradutores de Direita em Quarta, 1 de fevereiro de 2017

Para conferir o debate, basta acionar o player acima. Lembrem-se de curtir a página Tradutores de Direita, sempre disposta a facilitar esse tipo de conteúdo ao povo brasileiro.

Fonte: Tradutores de Direita

Notícias Recentes

To Top