Internacionais

Na Argentina, graças ao presidente conservador, preços dos carros da Audi caem à metade

Por aqui, o governo segue pregando que o aumento de impostos ainda é a única solução.

Enquanto no Brasil a mídia como um todo – imprensa, partidos, sindicatos, movimentos sociais e classe artística – segue execrando tudo o que pode ser ligado aos termos conservador, direita ou liberal, na Argentina, Mauricio Macri, o presidente da direita local, vem fazendo uma revolução. Na mais recente notícia, graças à redução de impostos aplicáveis aos automóveis, a Audi conseguiu oferecer descontos de até 54% na tabela em dólar.

Claro, ainda é cedo para se aprovar o trabalho de Macri. O Brasil mesmo sabe que bons resultados iniciais podem implicar em estragos a médio e longo prazo, como vem fazendo o PT. Mas não deixa de ser empolgante acompanhar o trabalho feito por lá. Se tudo o que o petismo quer findou destruindo a Venezuela e agora condena o futuro dos brasileiros, por que não acreditar que o oposto do que prega Lula e companhia não renderia bons frutos?

Brasília- DF 04-12-2015 Foto Lula Marques/Agência PT    Presidenta, Dilma, recebe, Maurício Macri Presidente eleito da República Argentina  Palácio do Planalto

A Argentina pode se tornar o exemplo a ser seguido pelo Brasil. Sigamos atentos.

Notícias Recentes

To Top