Notícias

A CPMF ainda nem voltou, mas governadores já se articulam para “dobrar a meta”

Em jantar para 19 governadores, governo Dilma os convenceu a lutar para que a alíquota chegue a 0,38%,

Na tarde de ontem, o governo sugeriu que a CPMF voltasse a ser cobrada, mas com uma alíquota menor do que a proposta anteriormente: 0,2%. Contudo, já na noite do mesmo dia, o governo Dilma jantou com 19 governadores e os convenceu a lutar contra o Congresso para que essa taxa chegue a 0,38%. Luiz Fernando Pezão, do PMDB, foi um dos que mais reclamou da exclusão dos estados da partilha daquilo que se pretende arrecadar com o imposto morto-vivo. Tudo ainda deve ser aprovado junto aos deputados e senadores. Mas Eduardo Cunha, aliado de Pezão e presidente da Câmara, já declarou não acreditar na aprovação da proposta.

pezao-dilma

Todos os 10 deputados preferidos dos jornalistas brasileiros são esquerdistas

Para mais informações:
Governadores aceitam negociar no Congresso elevar nova CPMF para 0,38%

Mais Lidas

To Top