Notícias

A tosse e a vaca: além do emprego, o brasileiro vem perdendo o acesso ao seguro-desemprego

Foto: Programa Eleitoral 2014

Depois das dificuldades impostas por Dilma, acesso ao seguro-desemprego encolhe 13%.

Em um ano, o Brasil acumulou 2,1 milhões de novos desempregados. Até setembro, eram ao todo 8,8 milhões de trabalhadores sem emprego. Mas o Valor Econômico informa que o número de novos beneficiários do seguro-desemprego encolheu 13% entre maio e agosto. Em 2015, a queda já chega a 5%. Como explicar? Dilma dificultou o acesso ao seguro-desemprego. Primeiro, tentou ampliar de 6 para 18 meses o tempo mínimo de serviço para o recebimento. Mas chegou a um acordo com o Congresso e hoje são necessários um mínimo de 12 meses para ser beneficiado.

Foto: Programa Eleitoral 2014

Foto: Programa Eleitoral 2014

No programa eleitoral em 2014, Dilma deixou bem claro que não mexeria nos benefícios dos trabalhadores.

Dilma mentiu.

To Top