Notícias

Acredite se quiser: presidiários do DF serão liberados para “saidão da festa junina”

Coisas do Brasil.

A legislação brasileira é toda ela alvo de polêmica, mas as regras de cumprimento de pena costumam ser ainda mais debatidas. Alguns benefícios acabam fazendo pouco sentido, como a recente saída de Suzane Richthofen por conta do dias das mães.

E agora, segundo informa o G1, novo benefício será adotado pela primeira vez no Distrito Federal: o “saidão da festa junina”. A Lei de Execução penal estabelece o direito de 35 dias de “saidão” ao longo do ano – daí as datas comemorativas, como a Páscoa.

Fonte: G1

Mais Lidas

To Top