Notícias

Agência Fitch, que rebaixou o Brasil, prevê um 2016 terrível para o país

Não foi por acaso que fomos rebaixados.

A informação é de Shelly Shetty, diretora sênior de ratins soberanos na agência. Ela afirmou que o rebaixamento teve por base a recessão econômica do país, coisa que só vem piorando, bem como a política fiscal e a insegurança do processo de impeachment. Quanto a esta última parte, o indicativo é de que a Fitch leva em conta o que já dissemos: o governo Dilma, na prática, acabou. Não haveria capacidade política para promover as mudanças necessárias.

Desse modo, para o ano que vem, a previsão é bem pessimista (ou realista). As palavras da diretora foram as seguintes: “…passamos a acreditar que o Brasil não apenas terá deficit primário neste ano, mas continuará a ter deficit em 2016. Esperamos resultado negativo nas contas do governo de cerca de 2% do PIB em 2015, e perto de 1% do PIB no ano que vem. A economia deve contrair 3,7% neste ano e de 2,5% em 2016.”

Com Dilma Rousseff e com o PT, tudo continuará bem ruim.

Mais Lidas

To Top