Notícias

Após Lava Jato chegar ao apartamento vizinho de Lula, o PT quer tirar caso de Sérgio Moro

Os petistas querem explorar junto ao STF brecha legal já bem sucedida em 2015.

Os advogados do PT se preparam para tirar o caso envolvendo Bancoop e OAS das mãos de Sérgio Moro. Ontem, na fase batizada de Triplo X, a Lava Jato chegou ao condomínio onde se encontra o triplex que, concordam dezenas de testemunhas, pertence a Lula. A suspeita é de que os imóveis tenham sido usados para lavagem de dinheiro em nome de laranjas.

O PT explorará a mesma brecha já bem sucedida em 2015 para casos que, assim preferiu entender o STF, não tinham qualquer relação com a Petrobras. Moro, segundo Vera Magalhães, tentou esclarecer que a lavagem de dinheiro envolveria justamente propina oriunda da Petrobras. Mas as recentes decisões obscuras do supremo, quase todas elas a favor do petismo, dão a entender que há chances de os petistas se darem bem em mais essa – para a máxima indignação dos brasileiros.

sergio-moro

To Top