Notícias

As ações que mais renderam durante governos Lula e Dilma? As dos bancos

O Bradesco, “de Joaquim Levy”, foi quem mais se deu bem: quase 900% de crescimento.

A Economatica assina o levantamento. Dentre os dez papéis que melhor retorno tiveram nos governos petistas, quatro são bandeiras bancárias. Destaca-se o Bradesco, padrinho de Joaquim Levy, ministro da Fazenda que não consegue ser demitido ou mesmo pedir demissão: quase 900% de crescimento. Com tanto sucesso, entende-se o porquê de Trabuco, presidente do banco, insistir na manutenção do “Chicago boy” no cargo. Isso tudo, como bem lembraram os antagonistas, com as campanhas governistas “fazendo o diabo” contra as instituições financeiras.

Joaquim Levy - Dilma Rousseff

Leia também | Ao menos 5 delatores da Lava Jato já acusaram Dilma de se eleger com dinheiro roubado

Notícias Recentes

To Top