Notícias

As revelações de Paulo Roberto Costa e Alberto Youssef

O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras citou o senador Lindberg Farias, que citou várias empresas que poderiam contribuir para o cargo político ao qual ele estava concorrendo.

Da Época:

paulorobertocosta5

Paulo Roberto Costa e Alberto Youssef entregaram, em seus depoimentos, um dos maiores esquemas de corrupção já descobertos no Brasil. Denunciaram a existência de um cartel das maiores empreiteiras do país, acusado de comprar diretores da Petrobras e de pagar propina a partidos como PT, PP e PMDB. No depoimento da semana passada, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras disse que foi abordado no começo do ano por um candidato ao governo do Rio de Janeiro. Depois, na delação que fez ao procurador geral da República, ele disse que se tratava do senador Lindberg Farias (PT). “O objetivo é que eu preparasse para ele um programa de energia e infraestrutura de maneira geral. E participei de umas três reuniões com esse candidato lá no Rio de Janeiro, assim como outras pessoas participaram. Foi listada uma série de empresas que poderiam contribuir para o cargo político a que ele estava concorrendo. Ele me contratou para fazer o programa de energia e infraestrutura do Rio de Janeiro. Listou uma série de empresas com que eu tinha contatos. Outras não. Hope, não conheço. Mendes Júnior, conheço. UTC, conheço. Constran, não. Engevix, conheço. Iesa, conheço. Toyo Setal, conheço. E foi solicitado que houvesse a possibilidade de as empresas participarem da campanha. E me foi dito pelo candidato”, confessou Costa.

 

Notícias Recentes

To Top