Notícias

Assessor que trabalha na Lava Jato no STF assinou manifesto apoiando o ataque de Lula a Moro

Teori Zavascki. Foto: STJ

De quebra, o desembargador é casado com a “braço-direito” de Rodrigo Janot

Manoel Lauro Volkmer de Castilho assessora Teori Zavascki, o ministro que, no STF, arbitra a operação Lava Jato. No entanto, o desembargador aposentado do Tribunal Regional Federal assinou o manifesto que apoia os ataques de Lula contra Sérgio Moro junto ao Comitê de Direitos Humanos da ONU. De quebra, o auxiliar é casado com Ela Wiecko, a vice-procuradora-geral da República considerada “braço-direito” de Rodrigo Janot, o procurador-geral da República que, na proporção que avança sobre os inimigos do PT, como Eduardo Cunha, não avança sobre Dilma Rousseff, deixando o inquérito dela parado desde fevereiro.

Mais de 60 pessoas assinaram o documento. No texto, além do apoio ao ex-presidente, os ataques a Sérgio Moro são reforçados.

É inaceitável que uma pessoa dessas esteja em contato com a Lava Jato em Brasília.

Notícias Recentes

To Top