Notícias

Brasil Pátria Educadora: governo corta R$600 milhões mensais das universidades federais

As instituições já encontram dificuldade para pagar serviços terceirizados.

cidgomes
Apesar de declarar que o país seria uma “pátria educadora” no seu segundo mandato (e cortar 7 bilhões do orçamento da área), a contenção dos gastos do governo federal já tem reflexos nas universidades federais, segundo o Estadão.  Um terço das despesas do governo foi cortada e a Educação é a pasta que mais sofreu com isso. Ao todo, são R$600 milhões mensais que deixarão de ser repassados às instituições.
Segundo Amauri Fragoso de Medeiros, tesoureiro do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), “setores das universidades que contam com contratos terceirizados já estão com atrasos de salários”.
Vale lembrar que Cid Gomes, atual ministro da educação, disse que professor “deve trabalhar por amor, não por dinheiro”, e ainda completou: “quem quer dinheiro deve procurar outra profissão”.

Notícias Recentes

To Top