Notícias

Brasil se acovarda e não condena a ditadura da Venezuela

A aliança vai além dos partidos e atinge as relações internacionais. Em nota, Itamaraty evita mostrar-se contra a arbitrariedade venezuelana.

dilma-e-maduro

Segundo a nota do Itamaraty, O Brasil se diz disposto, sempre que solicitado, a retomar o diálogo político e construtivo na Venezuela e que saúda o anúncio do Secretário-Geral da UNASUL sobre a preparação da visita à Venezuela dos chanceleres do Brasil, Colômbia e Equador.

To Top