Notícias

Caiado denuncia emissora pública do governo por cobertura pró-Dilma

Ronaldo Caiado

Uma emissora pública não pode tomar partido.

O Senador Ronaldo Caiado (DEM/GO) fez um requerimento no Senado Federal para que o ministro das Comunicações de Dilma, Edinho Silva, seja convocado a explicar a cobertura tendenciosa e pró-Dilma da emissora pública. Por ser uma empresa pública, não cabe à EBC (Empresa Brasil Comunicação, do Governo Federal) tomar partido. Deve-se ter isenção e isonomia.

Edinho Silva, que já teve a coragem de jogar a culpa da corrupção petista em “erros da sociedade”, foi também citado em delação da Lava Jato.

Ronaldo Caiado

Vale lembrar, aliás, que Lula recentemente tentou processar Ronaldo Caiado, mas o STF rejeitou a demanda.

To Top