Notícias

Com a crise, quase 4 milhões de famílias já caíram para as classes D e E

Lembra da “Nova Classe C”? Graças a Dilma, ela está voltando para as velhas classes D e E

compras_12814

Pesquisa do banco Bradesco, com informações do IBGE, revelou que cerca de 3,7 milhões de brasileiros saíram da classe C (aquela com renda entre R$ 1.600 e R$ 6.500) para as classes D e E entre janeiro e novembro de 2015. De acordo com os dados divulgados, a chamada classe média está diminuindo no Brasil (de 56,6% para 54,6%), enquanto as camadas de renda inferior estão crescendo.

Segundo a pesquisadora do banco, há uma piora no mercado de trabalho decorrente da crise econômica, o que causa aumento do desemprego e da informalidade. As classes mais baixas são as primeiras a sentir os efeitos da crise.

Mais Lidas

To Top