Notícias

Com permanência de Temer, “Brasil caminha para virar uma Venezuela”, diz economista

A declaração é de Monica de Bolle, pesquisadora do Instituto Peterson de Economia Internacional.

A economista Monica de Bolle, pesquisadora do Instituto Peterson de Economia Internacional, bateu forte em Michel Temer ao ser entrevistada pelo Estadão. Palavras de fato contundentes, por assim dizer. Segue trecho:

“O Temer deveria ter a hombridade de renunciar. Se ele quer se mostrar tão diferente da Dilma, se quer entrar para a história com alguma dignidade, ele tem que renunciar. Ele tem que fazer o que ela não fez. Não pode ficar nesse jogo de tentar acobertar, de dizer que é tudo mentira. Chega. Ninguém aguenta mais ouvir isso. Insistir é um erro. Precisamos purgar isso. Na perspectiva de corrosão institucional, se ficar como está, o Brasil caminha para virar uma Venezuela”

De fato, Temer prestaria um serviço ao país renunciando, independentemente da veracidade das acusações – das quais pode se defender até melhor fora do Planalto. A análise de Monica de Bolle soa pessimista, mas é infelizmente bem realista.

Fonte: Estadao

To Top