Notícias

Consultoria prevê dólar caindo a R$ 3,50 com impeachment ou renúncia de Dilma

Para a Whatscall, Dilma deve deixar a presidência entre dezembro de 2015 e março de 2016.

Desde o caso da demissão da analista do Santander, as previsões das consultorias brasileiras vêm obtendo um tanto mais de respeito. O “prometido” dólar a R$ 4,00, por exemplo, já ocorreu. Os clientes da Whatscall questionaram um posicionamento da empresa sobre o futuro a curto prazo do Brasil. No entendimento deles, Dilma não cai antes de dezembro, mas não resiste até março. Antes, o dólar corre sérios riscos de chegar a R$ 4,50. Com a formação de um governo Temer, a aposta é que a moeda americana desça a R$ 3,50. De fato, ainda alto. Mas já seria um começo.

Dilma_Jo_1

Leia também | Depois das pedaladas fiscais, Dilma quer “pedalar” o impeachment

To Top