Notícias

Contra impeachment ou cassação, Dilma pretende “catimbar” na justiça

A intenção é abusar de recursos e aproveitar o temo extra para encontrar formas de anular todo o processo.

Renúncia? Nem pensar. Dilma está ordenando aos restaram ao seu lado que busquem todas as formas de protelar na justiça qualquer forma de tirá-la do Planalto. A prática jurídica brasileira costuma, quando em apuros, apelar para uma receita com dois ingredientes: abusar de todos os recursos disponíveis; e caçar nulidades no decorrer do processo. A presidente está em apuros e não pretende fazer diferente. Mas, como impeachment é “julgamento político”, será necessário para se livrar dele uma força a qual a base governista já não mais dispõe.

size_810_16_9_Dilma_Rousseff

Leia também | Prefeitos andam fugindo do PT. Agora foi o de João Pessoa

Para mais informações:
Dilma vai ao STF se perder no TCU ou se processo de impeachment for aberto

Mais Lidas

To Top