Notícias

Curiosamente, Trump vem se virando com uma tática que era defendida por… Plínio de Arruda!

Plinio defendia que as redes sociais fossem usadas para driblar o viés da imprensa

Ao conceder a primeira entrevista exclusiva como presidente dos Estados Unidos, perguntaram a Donald Trump o motivo de usar tanto o Twitter. Eles respondeu que recorria às redes sociais pois seria uma forma de contornar o trabalho enviesado da imprensa, que sempre descontextualizava as falas do republicano de forma a vendê-lo como um vilão a ser abatido.

Tem dado certo. Nas redes sociais, exceto pela Fox News, que defende Trump, o presidente americano atinge sozinho público muito maior do que os veículos que mais lhe são críticos, como a CNN, o NY Times ou mesmo o Buzzfeed.

Acreditem ou não, essa estratégia já foi grosseiramente defendida por um presidenciável brasileiro. Nas palavras dele, expor ideias no Twitter seria uma forma de “romper o monopólio da mídia burguesa“. E o nome dele era… Plínio de Arruda:

Plínio, contudo, não deve ter percebido o quanto a tal “mídia burguesa” estava disposta a defender os ideais dele. Não à toa, o seu PSOL vive recebendo da imprensa prêmios por um suposto ótimo trabalho realizado no Congresso.

Mas não deixa de ser curioso – e um tanto bizarro – que o homem mais poderoso do mundo esteja se virando com estratégia semelhante.

Fonte: Fox

Notícias Recentes

To Top