Notícias

Dilma aumenta impostos

Presidente sanciona medida provisória que aumenta PIS/COFINS de importados. Comércio e indústria devem repassar o valor aos consumidores

DilmaPronunciamento

Apesar da grande desaceleração da economia, a presidente Dilma Rousseff  confirmou hoje o aumento de impostos de importação, o que deve desestimular ainda mais o consumo e a produção. Vejam a reportagem da Veja online:

A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta segunda-feira a Medida Provisória 668, que eleva as alíquotas do PIS/Pasep e Cofins de produtos importados, a última do ajuste fiscal do governo. A MP, transformada agora na Lei 13.137, publicada em edição extra do Diário Oficial da União, foi sancionada com nove vetos.

Com o aumento da tributação de importados, o governo esperava inicialmente um aumento de 1,19 bilhão de reais ao ano na arrecadação, sendo 694 milhões de reais só em 2015. A alta dos impostos atinge também a importação de etanol, que passa a ser tributada em 11,75% (ante 9,25%). Houve ainda o aumento de PIS/Pasep e Cofins no caso de cervejas, chás, isotônicos, energéticos, chope e refrigerantes, conforme pretendia a Receita Federal.

To Top