Notícias

Dilma oferece cargo a presidente do Conselho de Ética pela absolvição de Eduardo Cunha

Foto: Roberto Stuckert Filho

Em troca, claro, a presidente quer evitar um processo de impeachment.

Para salvar Eduardo Cunha, e, em contrapartida, evitar a aceitação de um pedido de impeachment contra ela, Dilma está acordando com José Carlos Araújo a possibilidade de empregar em “função federal” uma pessoa de sua indicação. Na condição de presidente do Conselho de Ética da Câmara, cabe ao deputado do PSD baiano julgar o processo que pode levar Cunha a ser cassado. Segundo Fernando Rodrigues, blogueiro do UOL, o plano inicial é protelar ao máximo a votação para se evitar o clima ruim de 2015 e assim oferecer ao peemedebista alguma chance de sobrevivência.

Foto: Roberto Stuckert Filho

Leia também | Dilma, Lula e petistas cinicamente fazem pouco caso das “pedaladas fiscais” que quebraram o Brasil

Mais Lidas

To Top