Notícias

Economistas contrariam Dilma e dizem que a crise foi gerada aqui e não no exterior

Especialistas apontam falta de política macroeconômica e má gestão como principais fatores.

Dilma-rousseff-size-598

Segundo O Globo, apesar de Dilma Rousseff apontar em seus pronunciamentos o grande responsável pela crise na economia ser internacional, os economistas brasileiros estão certos que as dificuldades foram geradas internamente, principalmente pela falta de uma política macroeconêmica.

De acordo com Newton Marques, economista da UnB:

 Num país com um mercado doméstico tão grande, não se pode culpar só fatores externos. Diria que 60% da crise são pela ausência de política macroeconômica. Poderíamos, com política macroeconômica adequada e déficit fiscal controlado, estar em outra situação.

Para Luiz Carlos Prado, da UFRJ, falta clareza e a má gestão se reflete também no câmbio:

Parece que é tudo improvisado, a gestão é confusa. Nem acho que o dólar esteja tão alto. O problema é a velocidade da subida. Dificulta o cálculo econômico, breca o investimento e aumenta a inflação.

Notícias Recentes

To Top