Notícias

Em diárias, Toffoli recebeu em nove meses 102 vezes mais que todo o mandato da antecessora

01.06.2015 - Plenário do Senado durante sessão especial destinada a comemorar os 70 anos da reinstalação da Justiça Eleitoral. Em discurso, presidente Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Dias Toffoli. Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

Dois auxiliares convocados pelo próprio juiz receberam diárias ainda mais volumosas.

Perto de outras denúncias que infelizmente o brasileiro vem se acostumando a ler, o valor soa baixo. Mas dá o tom do abuso de poder do agente público quando possui uma ligação mais estreita com o PT. De janeiro a setembro de 2015, Dias Toffoli recebeu R$ 115,8 mil em diárias. Para efeito de comparação, Carmen Lúcia, que comandou o mesmo TSE entre 2009 e 2013, recebeu apenas R$ 1.132,00.

Foto: José Cruz/ABr - Agência Brasil

Dias Toffoli | Foto: José Cruz/ABr – Agência Brasil

Contudo, não parou por aí. Carlos Vieira von Adamek, o o secretário-geral de Toffoli, recebeu R$ 179,2 mil em diárias entre janeiro e setembro. Márcio Boscaro, juiz auxiliar de Toffoli, recebeu outros R$ 131,3 mil no mesmo período. Ambos foram convocados do Tribunal de Justiça de São Paulo pelo ex-advogado do PT que hoje preside o TSE.

Notícias Recentes

To Top