Notícias

Feliz ano novo? Odebrecht demitirá todos os funcionários do Maracanã em janeiro

Vão ficar só 3 para apagar a luz.

A crise não está moleza também para a Odebrecht. Além dos contratempos (digamos assim) na Lava Jato, pois há poucos dias o STJ manteve a prisão do dono da construtora, agora também alguns percalços no que tange à administração do estádio do Maracaná.

Segundo informações da coluna Época Esporte Clube, a ideia é pressionar o Governo do Rio de Janeiro a renegociar o contrato de concessão. O estádio deu prejuízo de R$ 48 milhões em 2013, R$ 77 milhões em 2014 e, neste ano, também fechará no (bem) vermelho.

De todo modo, a demissão em massa é um jeito um tanto atípico de fazer pressão.

Notícias Recentes

To Top