Notícias

Fernando Haddad iniciou a campanha ouvindo protestos que chamavam Lula de ladrão

Sobrou também para Gabriel Chalita, seu candidato a vice

O marketeiro que elegeu Fernando Haddad em 2012 esteve preso até o início de agosto. O bom senso manda que não se meta com campanha políticas tão cedo. E nada leva a crer que o petista encontrará este ano uma situação menos complexa do que a superada há quatro anos, quando também iniciou a disputa bem longe do segundo turno. Já no primeiro ato de campanha, um pequeno grupo protestou chamando Lula de ladrão, com direito a xingamentos contra Gabriel Chalita, seu candidato a vice.

A confusão só de dissipou quando Eduardo Suplicy – sempre ele – partiu para negociar com os manifestantes.

E assim o petista iniciou os trabalhos com o pé esquerdista. Algo justo para um esquerdista.

Mais Lidas

To Top