Notícias

Ignorando corte de despesas, governo Dilma gasta R$ 2,8 bilhões para evitar o impeachment

Foto: Roberto Stuckert Filho

A população precisa entender que manter essa senhora na Presidência da República vem de fato saindo caro para o país.

A revista Época conta que, para evitar a perda de apoio na base parlamentar, o governo Dilma liberou R$ 2,8 bilhões em verbas para empenhos. E, claro, usou sua articulação para comunicar os gabinetes dos deputados e senadores agraciados com o mimo. São R$ 2,2 bilhões em orçamento impositivo e outros R$ 581 milhões extras destinados ao deputados mais novos. Sem eufemismos, Dilma compra com dinheiro do contribuinte, ou seja, seu dinheiro, os votos que ela precisa para se livrar do impeachment. Manter essa mulher na presidência custa cada dia mais caro ao Brasil.

Foto: Roberto Stuckert Filho

Leia também | Dilma aposta na burrice do brasileiro: “Meu governo não está envolvido em corrupção”

To Top