Notícias

Intrigante: depois da Lava Jato, demanda por palestras de Lula cai drasticamente

Foto: Arquivo ABr

Quase 40% das palestras do ex-presidente foram solicitadas por empreiteiras envolvidas no Petrolão.

A constatação foi feita pela Folha de São Paulo. Entre março de 2014, quando a Lava Jato foi deflagrada, e junho de 2015, o ex-presidente palestrou apenas meia dúzia de vezes. Em 2015, houve apenas uma palestra remunerada, na cervejaria Petrópolis, no Rio de Janeiro. Antes, a situação era completamente diferente…

Foto: Arquivo ABr

Leia também | Paulo Maluf não vem gostando de ser comparado a Eduardo Cunha

Entre janeiro de 2011 e o surgimento da Lava Jato, Lula havia sido contratado quase 11 vezes mais, com 64 palestras relacionadas pelo Instituto Lula. Segundo o jornal, pouco menos de 40% das apresentações do ex-presidente como palestrante eram contratadas por empreiteiras envolvidas no Petrolão e seus desdobramentos.

A política americana ensinou ao mundo um dos melhores “macetes” para se desmascarar corruptos das mais variadas espécies: siga o dinheiro. Acompanhar a transição de recursos entre empreiteiras e Lula, assim como os empréstimos do BNDES aos países visitados pela palestras do ex-presidente, podem tornar tudo mais claro nessa história tão mal contada.

Notícias Recentes

To Top